top of page

Pérolas, um clássico vintage está de volta



Aposto e ganho, que todo mundo tem um acessório, de ou com pérolas, no guarda-roupa/porta-joias. Certo? Mais glamouroso e sofisticado do que essa preciosidade, não há! A pérola é o item mais elegante que podemos acrescentar em uma produção, tanto para dia, quanto para noite.


O "nascimento"de uma pérola, é resultado da reação natural dos moluscos contra invasores externos (areia, vermes ou parasitas), e a formação ocorre quando um sedimento ou microrganismo penetra na inserção entre o manto e a concha, causando uma verdadeira irritação nesta região e, como proteção, o molusco produz uma camada nacarada que ficará em volta deste microrganismo ou sedimento, soldando-o na concha. Dai, temos a formação da chamada, “meia-pérola”.


E, com uma infinidade de formatos e tons, a pérola é um clássico na nossa vida, percorrendo séculos, monarquias, protagonistas, e por ai, vai! Seja num simples brinco "bolinha" ou um colar típico de "bonequinha de luxo", a pérola é a pedra preciosa mais antiga e figura entre as mais caras devido a sua raridade. Conhecida também como “Rainha das Gemas”, elas começaram a ser usadas como adornos, de acordo com os registros, a cerca de 2 mil anos.


São diferentes tipos de pérolas, com texturas, formatos e cores, e claro, um brilho impressionante!


Além desse mix na beleza da peça, são oriundas e"encontradas" em águas salgadas e doces. Veja, abaixo, as pérolas e seus formatos, cores e "local" de origem.





Akoya, são produzidas por pequenas ostras chamadas Pinctada Fucata, também conhecidas como ostras de pérola Akoya, encontrada nos mares que cercam, Vietnã, China, Japão e Coréia do Sul. De alta qualidade, no Japão, elas são referidas como Hanadama Akoya, traduzindo: “pérolas de flores”. As pérolas Akoya exibem cores corporais, como: branco, cinza, creme e azul, muitas vezes, acompanhadas por tons de prata, rosa e verde. Que perfeição!


Já a pérola South Sea, é cultivada em regiões da Austrália, Filipinas, Mianmar (Birmânia) e Indonésia, e são formadas pelas ostras Pinctada maxima, considerada a maior do mundo, e a mais valiosa disponíveis no mercado. Com um brilho acetinado, sua aparência é graciosa e em tamanho impressionante. As cores naturais, são: branca, creme ou dourada. Os tons que ela ostenta é bem delicado e característico da origem prestigiosa.





Uma das pérolas mais preciosas e valiosas do mundo, a Tahitian, é originária da Polinésia Francesa, e produzida pela ostra margaritifera de lábios pretos Pinctada, encontrada no Taiti e em outras ilhas da Polinésia Francesa. Existem diferentes formas, o que a fazem ter preço bem elevado, e chamando a atenção para a sua beleza em forma natural. Uma curiosidade: as pérolas taitianas são o único tipo com um padrão de qualidade internacionalmente aceito. Entre as cores naturais, encontramos: preto, cinza escuro, carvão, verde e beringela, adornadas com tons brilhantes de prata, lavanda e azul. Linda de viver, né?!!


Com um brilho intenso, a pérola Keshi pode ser criada de várias maneiras (o molusco é expelido antes que a pérola se desenvolva completamente ou quando o núcleo se fratura, permitindo que os sacos de pérola continuem crescendo sem ele). Isso possibilita que as pérolas keshi tenham formas irregulares e, até, assimétricas, e suas cores incluem, branco, creme e lavanda.


Com os avanços nas técnicas de cultivo de pérolas, a keshi está se tornando cada vez mais rara, aumentando seu fascínio e exclusividade. Uau!!




As primeiras pérolas Kasumi foram produzidas no lago Kasumi-go-Ura, no Japão. Possui um brilho metálico incrível, deixando seus tons um mix e furta-cor, o que causa um efeito de espalhamento, sem falar no seu formato barroco.


Assim como a Kasumi, Biwa, também é um lago, no Japão, que, inclusive, já foi considerado o maior (re)produtor nas décadas de 80 e 90. As pérolas Biwa possuem diversas formas irregulares e assimétricas, que se assemelham a gravetos e grãos de arroz. Com uma paleta deslumbrante de cores, que vão de dourados, rosas, laranjas, roxos e brancos. Maravilhosa!!





Devido ao seu formato "diferenciado", a pérola Arroz ganha atenção no mercado. Ela vem de águas doces e cultivadas em rios e lagos do maior produtor de pérolas do planeta, a China. Disponível em duas tonalidades, branco e "pérola" (amarelada). Uma boa opção para estações frias e quentes, no quesito coloração pessoal!


A pérola Souffle, na cultura chinesa, é chamada de “renascimento”, devido ao processo de formação. Com o mesmo efeito furta-cor, a Souffle dá um toque mais moderno na joia por ter um formato diferente da tradicional "redonda".




Pérola Esférica, dispensa apresentações! Clássica e atemporal, formato elegante e de fácil adaptação. Internacionalmente, conhecida, é o modelo mais usado entre os gêneros.


Uma combinação muito comum entre a pérola e outra peça de ouro, tornando a joia mais moderna e com design diferenciado. A pérola Moeda é (re)conhecida por sua forma plana, semelhante a uma moeda, e com superfície lisa.





A pérola Fireball é um baby no mundo das preciosas, ela chegou no mercado, em 2003. Uma coloração rosé, seu formato irregular dá a peça um toque mais criativo, apesar da cor "mais delicada e romântica".


Assim, como outras pérolas de formato inusitado ou irregular, a Corn Flake fica linda com peças mais delicadas dando um ar clássico e elegante ao seu visual.


Ainda existem outras tantas pérolas, que passaríamos horas e mais horas falando e mostrando elas por aqui! Se você AMA pérolas, seja qual tipo for, já aviso, elas estarão SUPER em alta na próxima temporada 2024-2025. E, se você ainda não tem uma para chamar de "sua", corre lá na caixinha de joias da vó, mãe, tia (da família toda) e pega uma emprestada para compor um look muso e digno de estrelas de Hollywood!



Faça o download dos cards para repostar nas suas redes sociais! Mas, não esqueça de marcar a Drops de Cor, ok?! :)



BLOG - trend 2024 pérolas
.zip
Fazer download de ZIP • 9.64MB


Beijos,


Sissa Germann



24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opmerkingen


bottom of page